Strict Standards: Static function JDatabase::test() should not be abstract in /home/gw3mn/public_html/site/libraries/joomla/database/database.php on line 350

Warning: session_start(): Cannot send session cache limiter - headers already sent (output started at /home/gw3mn/public_html/site/libraries/joomla/database/database.php:350) in /home/gw3mn/public_html/site/libraries/joomla/session/session.php on line 462

Strict Standards: Accessing static property JCache::$_handler as non static in /home/gw3mn/public_html/site/libraries/joomla/cache/cache.php on line 394

Strict Standards: Accessing static property JCache::$_handler as non static in /home/gw3mn/public_html/site/libraries/joomla/cache/cache.php on line 396

Strict Standards: Only variables should be assigned by reference in /home/gw3mn/public_html/site/plugins/system/osolcaptcha/osolcaptcha.php on line 1070

Deprecated: iconv_set_encoding(): Use of iconv.internal_encoding is deprecated in /home/gw3mn/public_html/site/libraries/joomla/utilities/string.php on line 26

Deprecated: iconv_set_encoding(): Use of iconv.input_encoding is deprecated in /home/gw3mn/public_html/site/libraries/joomla/utilities/string.php on line 27

Deprecated: iconv_set_encoding(): Use of iconv.output_encoding is deprecated in /home/gw3mn/public_html/site/libraries/joomla/utilities/string.php on line 28

Deprecated: preg_replace(): The /e modifier is deprecated, use preg_replace_callback instead in /home/gw3mn/public_html/site/libraries/joomla/filter/filterinput.php on line 630

Deprecated: preg_replace(): The /e modifier is deprecated, use preg_replace_callback instead in /home/gw3mn/public_html/site/libraries/joomla/filter/filterinput.php on line 632

Deprecated: preg_replace(): The /e modifier is deprecated, use preg_replace_callback instead in /home/gw3mn/public_html/site/libraries/joomla/filter/filterinput.php on line 630

Deprecated: preg_replace(): The /e modifier is deprecated, use preg_replace_callback instead in /home/gw3mn/public_html/site/libraries/joomla/filter/filterinput.php on line 632

Deprecated: preg_replace(): The /e modifier is deprecated, use preg_replace_callback instead in /home/gw3mn/public_html/site/libraries/joomla/filter/filterinput.php on line 630

Deprecated: preg_replace(): The /e modifier is deprecated, use preg_replace_callback instead in /home/gw3mn/public_html/site/libraries/joomla/filter/filterinput.php on line 632

Deprecated: preg_replace(): The /e modifier is deprecated, use preg_replace_callback instead in /home/gw3mn/public_html/site/libraries/joomla/filter/filterinput.php on line 630

Deprecated: preg_replace(): The /e modifier is deprecated, use preg_replace_callback instead in /home/gw3mn/public_html/site/libraries/joomla/filter/filterinput.php on line 632

Deprecated: preg_replace(): The /e modifier is deprecated, use preg_replace_callback instead in /home/gw3mn/public_html/site/libraries/joomla/filter/filterinput.php on line 630

Deprecated: preg_replace(): The /e modifier is deprecated, use preg_replace_callback instead in /home/gw3mn/public_html/site/libraries/joomla/filter/filterinput.php on line 632

Strict Standards: Only variables should be assigned by reference in /home/gw3mn/public_html/site/plugins/system/osolcaptcha/osolcaptcha.php on line 484

Deprecated: preg_replace(): The /e modifier is deprecated, use preg_replace_callback instead in /home/gw3mn/public_html/site/libraries/joomla/filter/filterinput.php on line 630

Deprecated: preg_replace(): The /e modifier is deprecated, use preg_replace_callback instead in /home/gw3mn/public_html/site/libraries/joomla/filter/filterinput.php on line 632

Deprecated: preg_replace(): The /e modifier is deprecated, use preg_replace_callback instead in /home/gw3mn/public_html/site/libraries/joomla/filter/filterinput.php on line 630

Deprecated: preg_replace(): The /e modifier is deprecated, use preg_replace_callback instead in /home/gw3mn/public_html/site/libraries/joomla/filter/filterinput.php on line 632

Deprecated: preg_replace(): The /e modifier is deprecated, use preg_replace_callback instead in /home/gw3mn/public_html/site/libraries/joomla/filter/filterinput.php on line 630

Deprecated: preg_replace(): The /e modifier is deprecated, use preg_replace_callback instead in /home/gw3mn/public_html/site/libraries/joomla/filter/filterinput.php on line 632

Deprecated: preg_replace(): The /e modifier is deprecated, use preg_replace_callback instead in /home/gw3mn/public_html/site/libraries/joomla/filter/filterinput.php on line 630

Deprecated: preg_replace(): The /e modifier is deprecated, use preg_replace_callback instead in /home/gw3mn/public_html/site/libraries/joomla/filter/filterinput.php on line 632

Deprecated: preg_replace(): The /e modifier is deprecated, use preg_replace_callback instead in /home/gw3mn/public_html/site/libraries/joomla/filter/filterinput.php on line 630

Deprecated: preg_replace(): The /e modifier is deprecated, use preg_replace_callback instead in /home/gw3mn/public_html/site/libraries/joomla/filter/filterinput.php on line 632

Strict Standards: Only variables should be assigned by reference in /home/gw3mn/public_html/site/plugins/system/osolcaptcha/osolcaptcha.php on line 1233

Strict Standards: Only variables should be assigned by reference in /home/gw3mn/public_html/site/plugins/system/osolcaptcha/osolcaptcha.php on line 1235

Deprecated: preg_replace(): The /e modifier is deprecated, use preg_replace_callback instead in /home/gw3mn/public_html/site/libraries/joomla/filter/filterinput.php on line 630

Deprecated: preg_replace(): The /e modifier is deprecated, use preg_replace_callback instead in /home/gw3mn/public_html/site/libraries/joomla/filter/filterinput.php on line 632
Palacete Conde de Sarzedas / Tribunal de Justiça de São Paulo

Deprecated: preg_replace(): The /e modifier is deprecated, use preg_replace_callback instead in /home/gw3mn/public_html/site/libraries/joomla/filter/filterinput.php on line 630

Deprecated: preg_replace(): The /e modifier is deprecated, use preg_replace_callback instead in /home/gw3mn/public_html/site/libraries/joomla/filter/filterinput.php on line 632

Strict Standards: Only variables should be assigned by reference in /home/gw3mn/public_html/site/plugins/content/addthis/addthis.php on line 348

Deprecated: Non-static method JSite::getMenu() should not be called statically, assuming $this from incompatible context in /home/gw3mn/public_html/site/plugins/content/addthis/addthis.php on line 159

Deprecated: Non-static method JApplication::getMenu() should not be called statically, assuming $this from incompatible context in /home/gw3mn/public_html/site/includes/application.php on line 519

Strict Standards: Only variables should be assigned by reference in /home/gw3mn/public_html/site/plugins/content/addthis/addthis.php on line 159

Strict Standards: Only variables should be assigned by reference in /home/gw3mn/public_html/site/templates/yoo_streamline/html/config.php on line 13

Palacete Conde de Sarzedas / Tribunal de Justiça de São Paulo

Image

O Palacete Conde de Sarzedas que agora abriga o Centro Cultural do Museu do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo, aberto ao público de Segunda a sexta-feira, das 10h às 18h, guarda relíquias do Tribunal como togas de desembargadores que se aposentaram, objetos antigos como máquina de escrever, e documentos históricos sobre jurisprudências do Tribunal de Justiça.

 

 

Por: Engº Sebastião Tavares
Correspondente de São Paulo


Dentre os objetos e fotos expostas no Museu, sobre a família Sarzedas, a do casal Luiz e Luiza, produzida por um estúdio profissional em Paris, em 1900, mata a curiosidade dos visitantes em saber como era esse casal que, cem anos depois, torna-se celebridade novamente, por conta de uma obra arquitetônica que ressurge em uma megalópolis como S.Paulo, como forma de exemplo para a cultura do país.

ImageA Revista Em Foco vem recheada de matérias sobre a preservação de monumentos arquitetônicos históricos de Alagoas. O IPHAN – Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional – neste momento, incrementa suas ações no Norte e Nordeste e aparece em algumas páginas desta edição. Poderíamos ter escolhido uma, entre as várias restaurações de prédios planejadas pelo IPHAN, para figurar na capa da nossa revista, mas um monumento arquitetônico foi destaque nas mídias escritas e eletrônicas nestes últimos meses e repercutiu por todo o Brasil: O Castelinho da Liberdade, em São Paulo-SP. Trata-se da preservação, restauração e aproveitamento auto-sustentável de um espaço cultura que, por pouco, não se perde sob as esteiras de máquinas de demolição. Esse exemplo de aproveitamento dos espaços das cidades, onde o “antigo” também tem seu lugar assegurado a partir de ações de órgãos públicos, cuja finalidade é a de planejar as cidades de forma que atendam as necessidades do momento sem destruir a sua história arquitetônica.


História

Em fins do século 19, a região conhecida hoje como o bairro da Liberdade foi ocupada de fato. Dentre as propriedades tradicionais que ali existiam, uma sempre se destacou: Tombado pelo patrimônio histórico municipal, o “Castelinho” localizado na rua Conde de Sarzedas, nº 100 – Centro de São Paulo, há pouco tempo, estava para ser demolido e, se não fosse por uma técnica do Departamento do Patrimônio Histórico, que acabara de entrar no DPH e solicitou o tombamento do imóvel assim que ficou sabendo da intenção de derrubá-lo, nós não estaríamos aqui hoje escrevendo esta matéria. Essa técnica tentou também salvar um belo conjunto de sobrados que ficava do lado do palacete, mas esses não tiveram a mesma sorte.


O “Castelinho”

O prédio, que atualmente abriga o Centro Cultural, foi construído por volta de 1891 a pedido de Luiz Rodrigues Ferreira, (algumas publicações dão como certo o nome de Luís de Lorena Rodrigues Ferreira) descendente do Conde de Sarzedas e deputado por São Paulo. O palacete era um presente para sua futura esposa, a jovem francesa Maria Luiza Belanger Rodrigues Ferreira (também denominada de Marie Louise Dallanger). Conta-se que, com 60 anos de idade e apaixonado pela garota de 18 anos, Luiz mandou levantar a edificação que ficou conhecida como “Castelinho do Amor”. Vitrais franceses, madeiras nobres, ladrilhos hidráulicos, lustres importados compunham o cenário idealizado por Luiz Ferreira para a sua amada. O casarão, também, estava localizado em local privilegiado: no topo de uma colina. Subindo por uma escada estreita, chegava-se a um mirante, de onde se podia avistar todo o vale do Tamanduateí. Hoje, a vista da construção, a partir do mirante, pode-se ver, ainda, a Catedral da Sé e o Palácio da Justiça.

ImageApós a morte do proprietário, Maria Luiza, seu filho e nora ainda permaneceram no Castelinho até 1939. Depois desse período, o local abrigou de tudo: igreja evangélica, cortiços, invasões, até que em 2001 foi aberto o processo de tombamento pelo Conselho Municipal de Preservação do Patrimônio Histórico, Cultural e Ambiental da Cidade de São Paulo.


O Empreendimento

Edifício Conde de Sarzedas – Idealizado pela Fundação Carlos Chagas para ser o novo espaço do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo tem 29.400m² de área construída, num terreno 2.388,00m². Sua altura total é de 109,00 m (do piso do 4° Subsolo à Cobertura da Casa de Máquinas); A Área do Pavimento Tipo é de 881,00m²; Os 4 Subsolos destinados a pisos para garagens abrigam um total de 260 veículos em suas vagas. Sua fachada em pele de vidro tem formas côncavas e convexas. Na face curva, os vidros são azuis, enquanto nas outras uma combinação de tons define uma marcação horizontal: opacos na frente de laje, fumê no vão-luz e azul no peitoril. No total, foram usados 11.750m² de vidros laminados para a obra. Com 106 metros de altura, lajes em balanço, pilares de transição, fachadas curvas e retas e parede-diafragma, o prédio enfrentou, na construção, grandes desafios e elevado grau de complexidade. Responsável pela obra, a construtora Blokos programou os trabalhos de forma a tornar o processo ágil e garantir a qualidade, evitando desperdícios, além de organizar a logística para não interferir no trânsito da região central de São Paulo.

A área central de São Paulo influenciou a arquitetura e o nome do edifício. Como o casarão deveria ser preservado, o arquiteto Ruy Ohtake desenhou uma torre de linhas curvas e fachada-cortina, compondo recuos que envolvem a antiga edificação. Um arranha-céu espelhado de 29 andares é o responsável pela recuperação de um casarão de 110 anos, escondido em um canto da cidade - na Rua Conde de Sarzedas, travessa da Rua Conselheiro Furtado, atrás do Fórum João Mendes, no centro de São Paulo. Agora, o edifício abriga o Museu do Tribunal de Justiça e passou a ser um pólo turístico muito visitado. Sem o Castelinho, o edifício Conde de Sarzeda seria apenas mais um aranha-céu perdido e anônimo entre milhares de outros, na capital paulista.


A Restauração

Junto com a construção do edifício, a Fundação Carlos Chagas restaurou o Castelinho, patrimônio histórico da cidade de São Paulo e que agora abriga o Museu do Tribunal de Justiça.

Há pouca documentação a respeito da construção. Entre os vários exemplares do gênero que datam do fim do século 19 esse é um dos mais preservados interna e externamente, segundo o arquiteto Samuel Kruchin, responsável pelo restauro, iniciada em 2002. A falta de documentos e as péssimas condições de conservação mantiveram o casarão fora da lista de tombamento do Conselho Municipal de Preservação do Patrimônio Histórico (Compresp), até começarem as pesquisas para orientar a construção, acabou tombada pelo Compresp. A beleza dos afrescos, de madeira e estuque, e o fato de ser dos únicos exemplares desse tipo no centro velho pesaram na decisão.

Os detalhes internos dão pistas de que o local teve certo prestígio na capital na virada para o século 20. Cada uma das salas, entre as várias espalhadas por quase mil m², tem cores e decoração de paredes próprias. Desenhos de flores em cores vibrantes, ladrilhos hidráulicos decorados e ornamentos de madeira compõem os ambientes.

Da sala principal segue-se para a escada, em uma única pilastra, que dá acesso ao andar superior e a um mirante. De lá, ainda é possível avistar a Catedral da Sé e a Várzea do Carmo, denunciando a localização privilegiada. Certos detalhes permitem imaginar que o escritório de Ramos de Azevedo teve alguma participação na obra.